Sabia que as preocupações ambientais são cabeça de cartaz na Cidade do Rock? A coordenadora de sustentabilidade do Rock in Rio Lisboa, Dora Palma, conta à RECICLA como se organiza um festival com a menor pegada carbónica possível.

Ano após ano, o Rock in Rio Lisboa tem vindo a implementar novas formas de diminuir a sua pegada carbónica. Num caminho que tem vindo a ser trilhado desde 2006, Dora Palma enumera alguns dos principais marcos alcançados.

Em 2022, a cidade do Rock abre as portas ainda mais sustentável, quer a nível ambiental, quer a nível social. Assista ao vídeo e conheça todas as medidas que foram sendo implementadas desde a primeira edição do Rock in Rio Lisboa para minimizar o impacto ambiental deste festival. Sabia que o Rock in Rio foi o primeiro grande evento da Europa a compensar a pegada carbónica?